Pilates

O que é:

Trata-se de uma metodologia de intervenção sobre os sistemas esquelético e muscular humanos, aplicada com a finalidade principal de desenvolver no praticante a percepção do próprio corpo, notadamente o reconhecimento de seu centro de gravidade e de suas possibilidades e limitações articulares. Os movimentos que caracterizam esse programa de exercícios podem ser realizados com o auxílio de equipamentos como colchonetes, bolas e pinos, ou ainda com o emprego de aparelhos especialmente desenhados para a aplicação do método. Em ambos os casos, utiliza-se a ação gravitacional exercida sobre o corpo do praticante (seu peso corporal) como elemento de resistência a ser vencido. Em geral, são profissionais da área de saúde que buscam capacitação para aplicação da técnica, mais comumente fisioterapeutas e educadores físicos.

Os benefícios que oferece:

O fato de a metodologia ser composta por mais de quinhentos (isso mesmo!) exercícios diferentes, oferece como primeiro benefício a possibilidade de que sejam aplicados estímulos em todos os músculos do corpo humano, o que contribui para o equilíbrio e a harmonização da postura, tanto com o corpo parado (postura estática), quanto com o corpo em movimento (postura dinâmica). Evidentemente, a maior quantidade de músculos em movimento é acompanhada da possibilidade de maior gasto de calorias (Note que, apesar disso, não se pode dizer que, isoladamente, o Pilates – ou qualquer outra atividade física ou esporte – emagrece o praticante. Para esse tipo de resultado, há outras variáveis que precisam ser levadas em consideração – como a dieta alimentar, por exemplo). À conta dos benefícios oferecidos pelo Pilates, somam-se ainda os seguintes: fortalecimento geral do corpo; aumento da flexibilidade muscular e da amplitude das articulações; melhora da coordenação motora; diminuição das tensões localizadas (especialmente nas regiões cervical e lombar); redução da compressão sobre os discos intervertebrais; etc.

As indicações que possui:

De modo geral, o Pilates proporciona ao praticante todos os benefícios físicos e mentais que resultam da atividade física realizada com consistência, como, por exemplo: aumento da resistência cardiovascular; prevenção contra diabetes e outras doenças crônicas; controle da pressão arterial; redução do risco de osteoporose; desenvolvimento da força dos músculos esqueléticos e das articulações; prevenção contra estresse, ansiedade e depressão; melhora do humor e do desempenho sexual; etc. De modo particular, o Pilates é insubstituível como programa de exercícios para aqueles que buscam equilibrar e harmonizar a postura corporal; aumentar a flexibilidade muscular; e ampliar o raio de ação de suas articulações.